A PetroRio encerrou o terceiro trimestre de 2018 com resultados expressivos e lucro de R$ 71,5 milhões, o maior já alcançado para um trimestre na história da companhia se desconsiderados efeitos não recorrentes. A receita no período foi de R$ 224,6 milhões, um incremento de 104,2% em relação ao mesmo trimestre de 2017.

O resultado operacional, também recorde, contabilizou R$ 130,1 milhões, uma alta de 243% frente ao terceiro trimestre de 2017.

A recuperação do preço do Brent e o câmbio mais favorável, acrescido da forte disciplina financeira, contribuíram para uma melhora expressiva no desempenho financeiro da Companhia. Impulsionado pelos fortes resultados operacionais, a PetroRio alcançou R$ 91,2 milhões de EBITDA no trimestre, com margem de 41%. O valor é o maior já registrado pela Companhia pelo segundo trimestre consecutivo, se desconsiderados efeitos não recorrentes.

Após o encerramento do trimestre, a empresa anunciou nesta semana mais um importante passo na sua estratégia de expansão: a aquisição de uma participação de 18,26% no Campo de Frade, localizado na Bacia de Campos.

A empresa soma agora um total de cinco ativos, sendo três em produção. O negócio faz parte da estratégia de crescimento por meio de aquisições de campos em produção e diversifica o portfólio da companhia. A compra se deu por um processo competitivo e aumenta em aproximadamente 25% a produção da produção e 150% das reservas de óleo da PetroRio.

“Os resultados apresentados demonstram a trajetória de sucesso que estamos trilhando ao longo desses quatro anos de operação. A nova aquisição é mais um passo para nosso foco em crescimento e solidez no mercado, além de contribuir para diversificar ainda mais nosso portfólio de ativos, tornando nossa companhia cada dia mais atrativa. O ano de 2018 está sendo de grandes conquistas e buscamos manter essa linha crescente na história da empresa”, conta Nelson Queiroz Tanure, CEO da PetroRio.

Polvo e Manati

Polvo obteve, mais uma vez, resultados expressivos e comprova a estratégia bem sucedida adotada pela PetroRio, podendo ser replicada em qualquer outro campo. No 3T18 foram produzidos 927,4 mil barris, uma média de 10.081 barris por dia. O volume é 31,7% maior que o registrado no mesmo período do ano anterior.

Do total da receita líquida obtida no trimestre, R$ 193,8 milhões foram originados da venda do óleo de Polvo, um aumento de 141,4% frente ao terceiro trimestre de 2017. Manati, por sua vez, contribuiu com R$ 30,9 milhões, referentes à participação de 10% da PetroRio no consórcio de gás natural.

 Sobre a PetroRio

A PetroRio é uma das maiores empresas brasileiras independentes de petróleo e gás e a única especializada na recuperação de campos maduros no país. Sua estratégia é voltada para a aquisição de ativos em produção, além do foco na gestão eficiente de reservatórios e no seu redesenvolvimento.

Com uma cultura corporativa que busca maior eficiência operacional e redução dos custos de produção, a companhia tem como objetivo a criação de valor para seus acionistas com crescente disciplina financeira, sempre priorizando a segurança e o meio ambiente. De 2015 a 2018 foi uma das empresas com maior valorização das ações na Bolsa de Valores de São Paulo.

Fundada em 2015 e com sede no Rio, atua em estados como Rio de Janeiro, Bahia e Amapá. O Campo de Polvo, principal ativo da companhia, localizado a 100 km de Cabo Frio (RJ), tem produção diária de 10 mil barris por dia. Manati (BA), por sua vez, atende a cerca de 30% da demanda de gás do Nordeste e a PetroRio conta com 10% de participação no ativo. A companhia conta, ainda, com descobertas de gás na Bacia de Foz do Amazonas (AP), onde a estimativa de reservas potenciais é de 18 bilhões de m³ de gás natural, com possibilidade de expansão para 28 bilhões de m³.

Sua mais recente aquisição é a empresa Frade Japão Petróleo, que detém participação de 18,26% na concessão do campo de Frade, localizado também na Bacia de Campos (RJ).

Para mais informações, acesse: http://www.petroriosa.com.br

 

Fonte: PetroRio

Top